El Holocausto, la postmodernidad y las ansiedades textuales: una lectura de Hayden White

Aitor Bolaños de Miguel

 

Resumo:

Este artigo procura refletir sobre o texto “Postmodernism and Textual Anxieties”, escrito por Hayden White, no qual o historiador norte-americano oferece várias pistas para a compreensão o seu pensamento histórico e moral. Em concreto, a sua distinção entre facto e acontecimento, a sua teoria do “evento modernista”, a sua visão sobre a pós-modernidade (e as ansiedades textuais que produziu) e a sua análise do Holocausto.

Palavras-chave:

Hayden White; Holocausto; Sofrimento; Acontecimento; Textualismo.

Referência para citação:

de Miguel, Aitor Bolaños. “El Holocausto, la postmodernidad y las ansiedades textuales: una lectura de Hayden White.” Práticas da História, Journal on Theory, Historiography and Uses of the Past, n.º 6 (2018): 115-125

 


PDF(624k)PDF


< Práticas da História, nº 6 (2018)